Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Parceria

Encontro traça convergência entre PRDNE e Agronordeste

Escrito por Assessoria de Comunicação (Sudene) Social | Criado: Sexta, 18 de Outubro de 2019, 12h47

Representantes da Sudene e do MAPA se reuniram ontem (17), na sede da Autarquia, para tratar do assunto.

Mesa de reunião com os participantes.

Foto: Ascom (Sudene)


A reunião contou com a apresentação dos dois planos. As equipes das instituições identificaram os pontos de convergência entre os documentos e decidiram pela formação de uma parceria para acompanhamento dos planos nos estados da área de atuação da Sudene. Elaborado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o Agronordeste se propõe a impulsionar o desenvolvimento econômico, social e sustentável do meio rural da região. Segundo o MAPA, o programa será implantado em 2019 e 2020 em 230 municípios dos nove estados do Nordeste e parte de Minas Gerais, divididos em 12 territórios, com uma população rural de 1,7 milhão de pessoas.

A ideia do Agronordeste é proporcionar a adoção de tecnologias e de acesso ao crédito; organizar os produtores; oferecer cobertura da assistência técnica; e proporcionar novas oportunidades de integração comercial. Será dada atenção especial ao pequeno produtor. Foram apresentadas as ações previstas no Plano para as cadeias produtivas da ovinocaprinocultura, mandiocultura e apicultura. A gestão do Plano será conduzida pelos Comitês Central de Coordenação (CCC), Estadual de Coordenação (CEC) e Escritório Local de Operações (ELO).

Já o PRDNE se propõe a conduzir a política de desenvolvimento regional nos próximos 12 anos e está dividido em eixos estratégicos: Inovação; Desenvolvimento de Capacidades Humanas; Dinamização e Diversificação Produtiva; Segurança Hídrica e Conservação Ambiental; Desenvolvimento Social; e Desenvolvimento Institucional.  Para construir o PRDNE, a Sudene contou com contribuições de diversos segmentos, abriu consulta pública para colher sugestões da sociedade e promoveu encontros com representantes dos governos estaduais onde atua. De acordo com Mário Gordilho, superintendente da Sudene, os dois planos fornecem elementos importantes para guiar as ações do Governo Federal voltadas para o Nordeste.

O médico veterinário da Sudene, Mauro Bezerra, fez uma explanação sobre as propostas para o eixo Agropecuária e Agroindústria do PRDNE, que leva em consideração, entre outros fatores, o perfil dos produtores e das culturas, êxodo rural e principais políticas vigentes.  foram identificadas as necessidades de fornecer condições objetivas para o aprimoramento e modernização dos diversos sistemas produtivos; aprimorar a infraestrutura rural; apoiar e fortalecer a ligação entre agropecuária e preservação ambiental; dar continuidade às políticas de acesso à terra; e reestruturar a Educação do Campo, investir na qualificação técnica dos produtores rurais, através do apoio integrado e articulado da Educação Rural Contextualizada, dos órgãos do Sistema de Assistência Técnica e Extensão Rural e de Pesquisa. Mauro enfatizou, ainda, que 51% dos estabelecimentos rurais familiares do País estão no Nordeste e que é fundamental fortalecê-los para garantir a segurança alimentar. O engenheiro Renato Oliveira apresentou o conteúdo geral do PRDNE.

 

Assessoria de Comunicação Social e Marketing Institucional
Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste
(81) 2102-2102
ascom@sudene.gov.br
Siga nossas redes sociais: @sudenebr

Fim do conteúdo da página