Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Acompanhamento

Sudene prioriza avaliação de políticas públicas

Escrito por Assessoria de Comunicação (Sudene) Social | Criado: Sexta, 25 de Outubro de 2019, 11h10

Autarquia e Fundaj formam parceria, que viabilizarão capacitação através de um acordo de cooperação.

Foto de documentos em uma mesa, com três pessoas (dois homens e uma mulher) analisando-os.

Foto: Freepik


O curso contará com aulas presenciais e à distância, com carga horária de 116 e 146 horas, respectivamente. A Coordenação-Geral de Estudos e Pesquisas, Avaliação, Tecnologia e Inovação (CGEP/Diretoria de Planejamento) já iniciou as tratativas com a Fundação Joaquim Nabuco e o treinamento deverá começar ainda este ano. A ação é voltada para os servidores da Superintendência, que vão focar inicialmente nos incentivos fiscais, um dos principais instrumentos de ação da Sudene.

A ideia é ampliar a especialização da equipe na análise dos resultados e impactos de ações desenvolvidas na área de atuação da Sudene, aplicando indicadores de eficácia, eficiência, efetividade, impacto e retorno econômico em programas, planos e políticas públicas. Serão desenvolvidas competências para utilizar ferramentas estatísticas de análise quantitativa de dados, além de focar na análise qualitativa que subsidie a avaliação de políticas públicas. Serão realizadas práticas laboratoriais de avaliação com dados reais de programas que estão em implementação no âmbito da Autarquia.

O coordenador geral da CGEP, Robson Brandão, enfatiza que uma das atribuições regimentais da unidade é a “avaliação de programas e ações para o semiárido; das atividades desenvolvidas e dos resultados obtidos com a aplicação dos recursos do FDNE, FNE e dos benefícios e incentivos fiscais e financeiros; além da análise dos impactos socioeconômicos dos planos, programas e projetos”.  

FNE

O Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) já conta com um Comitê de Acompanhamento para avaliar as aplicações dos seus recursos. A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste exerce a função de Secretaria Executiva do Comitê Técnico, com a atribuição de prestar apoio administrativo, técnico e institucional às atividades do Colegiado, formado por representantes da Sudene, Banco do Nordeste e Ministérios do Desenvolvimento Regional, da Economia e do Planejamento. O Superintendente da Sudene é quem preside o Comitê.

 

Assessoria de Comunicação Social e Marketing Institucional
Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste
(81) 2102-2102
ascom@sudene.gov.br
Siga nossas redes sociais: @sudenebr

Fim do conteúdo da página